segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Mestre Felipe em Santiago do Iguape - ancestralidade viva ...











video

O 3° Encontro de Capoeira do Recôncavo promovido pelo Atelier Percussivo Mestre Lua Rasta, esse ano homenageou Mestre Felipe, angoleiro respeitado e exímio cantador da capoeira.

No primeiro dia do evento, 30 crianças capoeiristas chegaram de Santo Amaro e da Ilha de Itaparica para assistir o filme "A Capoeiragem de um mestre e o seu Bando Anunciador" na sala de cinema da UFBA em Salvador. A tarde, participaram das oficinas de capoeira, percussão e maculêlê nas praças do Pelourinho, enquanto os menores pintavam as faixas, expressando o carinho, o respeito e a amizade que têm pelo Mestre. A noite, em frente ao Atelier, houve a manifestação do Bumba meu boi, atração forte do Bando, até dar início ao cortejo em direção ao Terreiro de Jesus, onde aconteceu a Roda de abertura do Encontro. Mestre Felipe, Mestre Adó e toda bateria da Capoeira angola acenderam o Axé da roda e a capoeira levantou poeira.

No dia seguinte partimos em direção a Santo Amaro da Purificação, terra do Mestre Felipe, Mestre Popó, Besouro Manganga e outras lendas da Capoeira. Nossa roda de homenagem aconteceu na Praça da Matriz, onde foi relatada, em torno de 1800, a primeira roda de capoeira. O Secretário de Cultura da cidade presenteou o Mestre com uma placa, reconhecendo a sua dedicação pela capoeira. A tarde, depois dos bate-papos dos mestres, inauguramos com oficina e roda, o barracão do Mestre Ivan.

Terceiro dia do evento, visita a Santiago do Iguape, um dos redutos quilombolas do Recôncavo Baiano. Terra de sambadores, pescadores e marisqueiras.

Nenhum comentário: